Prefeito de Manhuaçu reúne-se com moradores de Santo Amaro de Minas

Santo Amaro de Minas

– O diálogo entre comunidade e um Governo democrático é, sem dúvida, o melhor caminho na busca de alternativas e soluções para o bem comum. Baseado neste conceito o Prefeito de Manhuaçu, Nailton Heringer, participou de um encontro com a comunidade do distrito de Santo de Amaro de Minas na noite de sexta-feira, 20. Acompanhado pelo secretariado, o Prefeito ouviu os moradores e líderes comunitários, e teve a oportunidade de esclarecer dúvidas e apresentar as realizações, obras concluídas e outras em andamento da administração municipal que vão também contemplar o distrito.

 

Vários itens de interesse da comunidade foram debatidos de maneira muito clara e objetiva. Conduzida pela vereadora Aponísia dos Reis, a reunião serviu para os moradores manifestarem suas reivindicações. Entre elas: a reforma e ampliação da Escola Municipal Rita Clara Sete, bem como a cobertura de sua quadra e construção do campo de futebol society; construção da creche Proinfância; unidade do PSF; pavimentação do pátio da sede da UNICOMSTA – União da Comunidade de Santo Amaro; doação de terreno para a igreja católica; água tratada para a rua Projetada; iluminação pública para as ruas Projetada, Beira-rio e José Camilo; caixa de contenção para as estradas rurais dos Córregos Boa Vista e São Roque; aquisição de terreno ao lado da Escola Municipal Ivo Mendes Magalhães, no Córrego Boa Vista; pavimentação da rua Nilo Joaquim do Carmo; melhorias no sistema de telefonia fixa e construção da capela velório.

 

SOLICITAÇÕES E ESCLARECIMENTOS

 

Quanto à implantação da Unidade do PSF na sede dos Correios, o secretário municipal de Saúde, José Rafael, explicou que a estrutura das instalações não atende as exigências da vigilância sanitária, portanto, não é possível implantar um PSF no local, mas que novos estudos estão sendo feitos para resolver o problema com a possibilidade da construção de uma UBS – Unidade Básica de Saúde. O Prefeito Nailton Heringer também comentou que o serviço de limpeza dos córregos e mananciais precisa de licença ambiental e autorização dos órgãos estadual e federal para ser realizado. Mas a Prefeitura tem buscado todas as providências necessárias para preservação do meio ambiente. Diante da crise econômica que afeta o país, o Prefeito demonstrou muita preocupação e relatou as dificuldades em adquirir verbas e parcerias para resolver todos os problemas que o município necessita. “Conhecemos os anseios da comunidade, não economizamos esforços para melhorar a qualidade de vida da população, mas o município não consegue sozinho fazer tudo que é preciso. Por isso, estamos constantemente buscando outros recursos para complementar a receita municipal” – afirma.

 

O Prefeito ainda comentou sobre a aquisição de novos veículos e equipamentos para a melhorar a limpeza urbana, as estradas rurais e vias públicas. Segundo ele, este foi um grande passo que a administração conseguiu para preservar a saúde pública e garantir o tráfego nas estradas de todo o município. Sobre a reforma e ampliação da Escola Municipal Rita Clara Sete, a secretária municipal de Educação Gelvânia Câmara, adiantou que o projeto já foi feito e aguarda aprovação. Mas que a previsão da administração municipal é iniciar a obra no primeiro semestre deste ano por meio de recursos do próprio município, logo que concluir a licitação e determinar qual a empresa responsável. Quanto à cobertura da quadra e construção do campo de futebol society, a secretária de Educação adiantou que as negociações estão encaminhadas e envolvem também a participação dos conselhos municipais. O projeto da construção da creche Proinfância foi aprovado pelo governo federal e a construção está prevista para este ano, conforme informou a secretária municipal de Educação.

Para resolver a falta de iluminação das ruas Projetada, Beira-Rio e José Camilo, o Prefeito falou da assinatura do convênio com o CEDESI – Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Socioambiental e Infraestrutura, já que a ANEEL – Agência Nacional de Energia Elétrica, delegou a responsabilidade aos municípios pelos serviços de iluminação pública. Ele solicitou um levantamento da quantidade de postes e o repasse do relatório, por meio de ofício, para a secretaria municipal de Obras tomar as providências. Sobre a demais solicitações, o Prefeito explicou das dificuldades, dos contratempos que não dependem unicamente da prefeitura, mas de recursos e verbas originadas dos governos estadual e federal. Todos os aspectos técnicos também devem ser seguidos para contemplação das obras reivindicadas. Ele afirmou que os anseios da comunidade são os mesmos do governo municipal em viabilizar as demandas. “A conversa direta a comunidade é muito satisfatória e fundamental para troca de informações e sugestões para melhorar as condições de vida de toda a população”, – completa o Prefeito.

Secretaria de Comunicação Social de Manhuaçu – Manhuaçu Notícia

Marta Aguiar

Eu, Marta Rodrigues de Aguiar nasci em: 27/08/1958, sou funcionária pública, fui a primeira presidente do Conselho de Turismo, sou escritora e acadêmica da (ACLA), Academia de Ciências Letras e Artes de Manhuaçu-MG, Possuo cursos de Organização de Eventos, Secretariado Executivo, Informática, Designer Gráfico, (CorelDraw e PhotoShop), Cursando mais uma vez Designer Gráfico na Prepara com mais duas especializações. (CorewDraw, PhotoShop, PageMaker e InDesigner). Sou Repórter e Fotógrafo, trabalhei com Devair Guimarães no Jornal das Montanhas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *