Foragido da Justiça é preso no ES em ação conjunta da PM e PC

Por ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL 11º BPM

– Uma ação conjunta das Policias Militar e Civil, dos Estados de Minas e Espírito Santo, na tarde desta sexta feira 27/12, culminou na prisão de um dos autores do crime bárbaro que chocou São Simão do Rio Preto, em Simonésia no dia 25 de julho de 2012, em que Sandra Vieira Bento de Carvalho de 28 anos, foi assassinada e teve seu corpo enterrado sob um galinheiro.

João Batista da Rocha, 26 anos, estava foragido, enquanto Sinval Batista dos Passos, seu comparsa foi condenado a uma pena de 21 anos e seis meses de cadeia pelos crimes cometidos. Homicídio qualificado, estupro e ocultação de cadáver.

Na manhã desta sexta-feira a Polícia Militar de Simonésia manteve contato com Policiais Militares de Realeza e Sacramento, ambos Distritos de Manhuaçu/MG, onde uma equipe foi até a residência de uma mulher a qual havia denúncias de que a mesma estaria mantendo relação com o foragido, fato este confirmado pela PM.

Ainda segundo informações o foragido teria sido ferido com golpe de faca e se encontrava internado em um hospital da cidade de Vitória/ES. Sargento Alan, destacou que os familiares sabiam que João se encontrava em Vitória. “Na verdade, os familiares de João Batista que residem em São Simão do Rio Preto chegaram a se deslocar até o Espirito Santo com o intuito de visitá-lo, porém, ao chegarem ao hospital não foi possível a visita de imediato.

Em contato com os mesmos, eles negaram terem feito essa viagem, informando que haviam viajado para a cidade de Belo Horizonte/MG, finalizou. Ainda segundo o Sargento, ele próprio teria se emocionado quando comunicou a mãe da vitima sobre a prisão do autor, a mesma teria dito em lágrimas que já não estava mais dormindo direito, sempre clamando por justiça. Hoje, os filhos da vitima estão sob sua responsabilidade.

A ação em conjunto foi de fundamental importância nessa prisão “Juntamos todas as informações, todo esse quebra cabeças e conseguimos lograr êxito nesta prisão em desfavor do autor. Essa prisão é uma resposta à comunidade das nossas ações integradas das Policias Militar e Civil. O acusado está preso à disposição da justiça e deverá ser recambiado até a cadeia de Manhuaçu nos próximos dias.

Manhuaçu Notícia

Marta Aguiar

Eu, Marta Rodrigues de Aguiar nasci em: 27/08/1958, sou funcionária pública, fui a primeira presidente do Conselho de Turismo, sou escritora e acadêmica da (ACLA), Academia de Ciências Letras e Artes de Manhuaçu-MG, Possuo cursos de Organização de Eventos, Secretariado Executivo, Informática, Designer Gráfico, (CorelDraw e PhotoShop), Cursando mais uma vez Designer Gráfico na Prepara com mais duas especializações. (CorewDraw, PhotoShop, PageMaker e InDesigner). Sou Repórter e Fotógrafo, trabalhei com Devair Guimarães no Jornal das Montanhas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *