Ações asiáticas atingem máxima de 3 anos e cai a taxa de desemprego

– As ações asiáticas subiram para uma máxima de três anos nesta sexta-feira (4), com destaque para os mercados do Japão e da Austrália, sustentadas por dados positivos sobre o mercado de trabalho dos Estados Unidos que sublinharam o fortalecimento da maior economia do mundo.

Às 7h56 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão avançava 0,17%, tendo inclusive tocado seus níveis mais altos desde maio de 2011 e caminhando para uma alta de 1,7% na semana.

O índice japonês Nikkei subiu 0,58% para atingir uma máxima de 5 meses e meio, registrando alta de 2,3% na semana. O índice australiano encerrou a sessão também em alta de 0,61%.

“Os dados dos EUA incentivaram os investidores hoje, e não houve nenhuma razão para vender”, disse o chefe de ações globais e de derivativos de commodities do BNP Paribas, Kyoya Okazawa.

Nos EUA, foram criadas 288 mil vagas de emprego no mês passado e a taxa de desemprego caiu para 6,1%.

Com isso, o mercado de trabalho dos EUA marcou o quinto mês consecutivo de crescimento superior a 200 mil postos de trabalho. É a primeira vez que isso acontece desde o boom da tecnologia, no fim da década de 1990.

G1 – Manhuaçu Notícia

Marta Aguiar

Eu, Marta Rodrigues de Aguiar nasci em: 27/08/1958, sou funcionária pública, fui a primeira presidente do Conselho de Turismo, sou escritora e acadêmica da (ACLA), Academia de Ciências Letras e Artes de Manhuaçu-MG, Possuo cursos de Organização de Eventos, Secretariado Executivo, Informática, Designer Gráfico, (CorelDraw e PhotoShop), Cursando mais uma vez Designer Gráfico na Prepara com mais duas especializações. (CorewDraw, PhotoShop, PageMaker e InDesigner). Sou Repórter e Fotógrafo, trabalhei com Devair Guimarães no Jornal das Montanhas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *