Reunião: Sindicato dos Servidores Públicos e Conselho de Saúde na Câmara Municipal

Manhuaçu

Por Marta Aguiar

– Nesta noite, 20 de fevereiro, as 18h, a Câmara de vereadores em mais uma sessão ordinária, recebeu o Presidente do Sindicato dos Servidores Público para falar do plano de cargo e salário do funcionalismo público.

De acordo com o presidente do Sindicato, Jaime Rodrigues Ferreira, os servidores não tem que agradecer o prefeito: “os servidores público municipal não tem que estar agradecido ao prefeito, ele não fez mais que a obrigação, ele não deu aumento e sim o reajuste salarial ele tão somente cumpriu o que está na lei. Nós tivemos em reunião com o secretário administrativo e os senhores vereadores estiveram presentes, onde cobramos o plano de cargo e salário, quando ele disse que o plano de cargo e salário seria com base na Lei 2.418 de 2004, Lei esta que o Sindicato vem batalhando desde o ano passado para que fosse cumprida. Tudo que foi feito nos governos passados não presta para esta gestão, engraçado, mas a lei 2.418 de 2004 presta, é boa. Mas é boa para quem? Será que é boa para os servidores? Agora estou com pé atrás, se tudo das gestões passadas foram ruins, as Leis foram ruins; a Lei de 2004 é boa”? Enfatizou

Conselho de Saúde

O presidente do Conselho de Saúde Nelson de Abreu, falou da situação em que se encontra o SUS, (Sistema Único de Saúde de Manhuaçu), “Senhor presidente, mais uma vez voltamos aqui, porque não temos outro recurso, já mandamos documentos para Câmara, para procuradoria pública e nada foi feito. Simplesmente gente, o nosso prefeito  disse que seria mudança e mudou mesmo, ele passou o rolo, em cima do Conselho, em cima da Lei orgânica dessa casa, da Lei de ação do Conselho, ele foi lá e tirou tudo do fundo Municipal de Saúde, o CNPJ, já não existe mais, desceu com setores da nossa secretaria para dentro da prefeitura. Há mais de 20 anos, o Conselho Municipal de comprava enquanto a prefeitura não tinha credito, a Secretaria de Saúde tinha como sempre teve credito, as contas do Sistema Único sempre foi aprovada.  Nós não temos uma ambulância para pegar um paciente aqui na rua e levar para o hospital, estamos com 17 carros quebrados, falta até pão para os pacientes, isto é um absurdo; por isto estamos aqui nessa casa para pedir ajudados senhores, infelizmente não temos outra opção”. Argumentou

Repudio

O Senhor Secretário do Conselho Municipal de Saúde, fez a leitura da moção de repudio elaborada em uma sessão ordinária do Conselho repudiando a descida do Setor de Contabilidade, Compras, Tesouraria e a pretensão do prefeito em descer também com o RH, Recursos Humanos.

Foi questionado também na reunião da Câmara, a questão do espaço físico que o SUS tinha e o que a prefeitura oferece. De acordo com alguns vereadores e Conselho de Saúde, os funcionários do SUS, estão mal instalados, as salas são minúsculas e os demais estão misturados, alguns no IPTU, outros na Contabilidade e Tesouraria. A pergunta que ficou no ar; “onde irão instalar o RH”?

O Presidente da Câmara Municipal de Manhuaçu Mauricio de Júnior, e demais vereadores presentes, concordam que os mais prejudicados na questão da saúde são os usuários e se comprometeram a ajudar.

Manhuaçu Notícia

 

Marta Aguiar

Eu, Marta Rodrigues de Aguiar nasci em: 27/08/1958, sou funcionária pública, fui a primeira presidente do Conselho de Turismo, sou escritora e acadêmica da (ACLA), Academia de Ciências Letras e Artes de Manhuaçu-MG, Possuo cursos de Organização de Eventos, Secretariado Executivo, Informática, Designer Gráfico, (CorelDraw e PhotoShop), Cursando mais uma vez Designer Gráfico na Prepara com mais duas especializações. (CorewDraw, PhotoShop, PageMaker e InDesigner). Sou Repórter e Fotógrafo, trabalhei com Devair Guimarães no Jornal das Montanhas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *