Manhuaçu sedia rodada de ICMS cultural

Manhuaçu

– A cultura em Manhuaçu tem sido tratada como uma das prioridades pelo atual

Governo municipal. A busca pelo resgate cultural da população manhuaçuense foi uma

das grandes missões dadas ao diretor municipal de cultura, Sebastião Januário de

Moraes, pelo Chefe do Executivo, Nailton Heringer.

Com a intenção de voltar a receber e promover grandes eventos culturais,

colocando em destaque os artistas do município, o Departamento Municipal de Cultura

de Manhuaçu, trouxe para a cidade três grandes eventos em parceria com o Governo de

Minas.

No último dia 27 de março, a cidade recebeu o Painel Música Minas, que mostrou

aos músicos e artistas, grandes oportunidades, dadas pelo Governo de Minas por mio de

programas voltados para o interior do Estado.

ICMS

Outros dois grandes eventos aconteceram neste no último fim de semana. Além do

belo espetáculo da música popular brasileira, SESC Chorinho e Samba na Praça, ocorreu

a Rodada do ICMS Cultural, promovida pelo IEPHA – Instituto Estadual do Patrimônio

Histórico e Artístico de Minas Gerais, nesta última sexta-feira, 12. A iniciativa se deu em

parceria com o Governo do Estado, a Câmara de Vereadores e Prefeitura de Manhuaçu.

O objetivo foi orientar os gestores municipais de cultural sobre a importância do ICMS

Cultural, programa estadual de proteção ao patrimônio cultural, que gera repasse

financeiro aos municípios.

Na cerimônia de abertura, compuseram a mesa principal, a equipe do IEPHA/MG,

com Marília Palhares Machado, diretora de promoção, Alessandra Deoti e Silva, gerente

de cooperação municipal, e Beatriz Chimaco, urbanista e arquiteta, o diretor municipal

de Cultura de Manhuaçu, Sebastião Januário de Moraes, o presidente da Câmara dos

Vereadores de Manhuaçu, Maurício Junior, e a presidente da Academia de Letras de

Manhuaçu, Abla Slaib Pereira. Logo após os pronunciamentos, houve uma belíssima

apresentação cultural de capoeira e maculelê, feita pelo grupo Corpo & Ginga.

Durante o encontro, foram esclarecidas dúvidas sobre as tarefas a serem

desenvolvidas e documentadas pelos municípios e sobre os encaminhamentos da

documentação que é entregue ao IEPHA/MG, em dezembro. No evento, compareceram

diretores culturais e gestores municipais de cerca de dezessete municípios da Zona da

Mata de Minas Gerais.

Arthur Rocha – Manhuaçu Notícia

Marta Aguiar

Eu, Marta Rodrigues de Aguiar nasci em: 27/08/1958, sou funcionária pública, fui a primeira presidente do Conselho de Turismo, sou escritora e acadêmica da (ACLA), Academia de Ciências Letras e Artes de Manhuaçu-MG, Possuo cursos de Organização de Eventos, Secretariado Executivo, Informática, Designer Gráfico, (CorelDraw e PhotoShop), Cursando mais uma vez Designer Gráfico na Prepara com mais duas especializações. (CorewDraw, PhotoShop, PageMaker e InDesigner). Sou Repórter e Fotógrafo, trabalhei com Devair Guimarães no Jornal das Montanhas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *