segunda-feira, 20 de novembro de 2017
Manhuaçu Notícia – Notícias e informação de Manhuaçu e Região

PCMG, prende 10 suspeitos de tráfico e roubo no Sul de Minas

Marta Aguiar 30 de outubro de 2017 Região
-Após três dias de um trabalho ininterrupto de investigação, a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), em Poços de Caldas, prendeu em flagrante 10 suspeitos de integrarem uma organização criminosa de tráfico de drogas e crimes contra o patrimônio, na região Sul da cidade. Um adolescente de 17 anos também foi apreendido. Durante as apurações, a equipe identificou que quatro deles teriam envolvimento em uma facção criminosa que age dentro e fora dos presídios.

Na terça-feira (17), foram presos Lucas Vinícius Martins Cabral, 22 anos, Victor dos Santos Rocha, 25, conhecido por “Vitinho” e “Irmão Carioca”, Stênio Alves de Carvalho, 20, João Guilherme Souza Silva, 18, e Thiago Augusto Belo Silva, 21. No dia seguinte, Carlos Vagner Pitta Mourinho, 38, o “Irmão Encruzilhada”, e Dalpine Mariane Crispin Nogueira, 27. Já na quinta-feira (19), Fernando César Shiozaki, 19, Robert de Brito Sales, 22, o “Irmão Colt”, e Matheus Borelli Neofiti, 25, “Irmão Iraque”, além da apreensão do adolescente.

Foi encontrado em poder dos investigados entorpecentes similares à cocaína e lança-perfume, recipientes utilizados para embalar os produtos, algumas anotações indicando a contabilidade do tráfico e uma arma de fogo.

De acordo com o Delegado Hernanni Vaz, as investigações apontam que há suspeita de que os “Irmão Carioca, Encruzilhada, Colt e Iraque” estejam ligados à facção criminosa, porém organizados para a prática de delitos distintos, sendo dois voltados para tráfico e dois para roubos. “Apuramos que todos tinham uma certa interdependência nas ações criminosas”, assinala.
Tráfico de drogas
Victor foi flagrado, juntamente com os outros quatro suspeitos, enquanto embalavam drogas na residência de um deles, localizada no Conjunto Habitacional Pedro Afonso. No local, foram encontrados dois pratos com material semelhante à cocaína, sendo embaladas, e outra porção dentro de uma sacola. Ainda foram apreendidos 109 pinos já cheios do mesmo produto e quatro frascos de substância similar a lança-perfume.

Dando sequências às diligências, na quarta-feira (18), os Policiais Civis foram cumprir mandados de busca e apreensão nas residências de Carlos Vagner, Dalpine e uma terceira suspeita. “Segundo consta das investigações, Dalpine seria a responsável por guardar as drogas para Carlos Vagner, ao passo que a outra mulher, que é namorada de Vagner, também poderia ter drogas em casa”, observa Hernanni Vaz.
No imóvel em que Dalpine mora, foram encontradas porções de substância similar à cocaína. Já na residência de Carlos Vagner, foram encontrados pinos vazios, anotações que indicam contabilidade do tráfico, aparelhos celulares e um frasco contendo um pó branco idêntico ao localizado com Dalpine. Já na casa da outra investigada, nada de ilícito foi encontrado.
Roubo 
Outro desdobramento da investigação foi a tentativa frustrada de um roubo a um correspondente bancário, planejado para quinta-feira (19). Com a intervenção da PCMG, os Policiais identificaram que quatro suspeitos, em um veículo Corsa, seguiam sentido zona Sul, onde ocorreria o assalto. “Tal estabelecimento, conforme nossos levantamentos, já havia sido sondado por ‘Vitinho’, mas ele não participaria diretamente da execução, por se conhecido na região”, pontua o Delegado.

No momento da abordagem ao veículo, Matheus era o condutor e Robert estava no lugar do passageiro, na frente. Já o adolescente e Fernando ocupavam o banco traseiro e com eles foram apreendidas cinco munições e um revólver calibre 32. “Além disso, os dois usavam, cada um, duas calças, uma sobre a outra, indicando que após executar o roubo, iriam se desfazer da peça superior, para tentar ludibriar eventual abordagem policial”, observa Hernanni Vaz.

A equipe seguiu para a casa de Robert, onde foram arrecadas uma porção de substância semelhante a maconha, uma balança de precisão e anotações referentes ao tráfico de drogas e à facção criminosa. De lá, os Policiais seguiram para a residência dos pais de Matheus, em que a equipe localizou uma porção de substância semelhante a maconha, pratos e lâminas com resquícios de entorpecentes e um caderno com anotações da facção, bem como uma carta redigida, pelo que se constatou, por um outro integrante da organização criminosa.

Todos os suspeitos foram encaminhados ao Sistema Prisional e se encontram à disposição da Justiça. Já o adolescente foi apreendido e apresentado ao Ministério Público.
Polícia Civil de Minas Gerais – Manhuaçu Notícia

Gostou? Então compartilhe!

----